Art Blakey

11 de outubro de 2013, por Editorial
Nascido dia 11 de outubro de 1919 na cidade de Pittsburgh, na Pensilvânia (EUA), Art Blakey atuou como baterista de jazz desde o final da década de 1930 até meados dos anos 90. Músico enérgico, foi ao lado de Kenny Clarke e Max Roach, um dos inventores do ritmo "bebop" na bateria.

Filho adotivo de homem religioso, foi na Igreja Adventista do Sétimo Dia onde teve seu primeiro contato com a música. Porém, antes de se tornar um dos mais memoráveis bateristas da história, tocava piano até ser trocado pelo exímio pianista Erroll Garner. Na juventude, chegou inclusive a trabalhar para o lendário baterista Chick Webb, que lhe proporcionou grande aprendizado.

Em 1937, em sua cidade natal, formou sua própria banda com a pianista Mary Lou Williams. Em seguida começou uma turnê com Fletcher Henderson, que durou três anos, e ainda tocou em shows de artistas como Charlie Parker e Sarah Vaughan. Depois, em 1948, em visita à África, aprendeu tocar a bateria polirrítmica e se converteu ao Islamismo, adotando o nome Abdullah Ibn Buhaina.

Gravou um concerto ao vivo na casa de show Birdland em 1954, além das incessantes turnês ao longo dos anos, com suas bandas “Art Blakey & The Jazz Messengers”, e na “Art Blakey & The Afro-drum Ensemble”, até falecer cinco dias após completar 71 anos, em 16 de outubro de 1990.

Site oficial: 

Comentários

Veja também: Todas as biografias