Mad Old Lady: Baterista Guga Bento volta ao bate-papo sobre CD novo

03 de fevereiro de 2015, por Rafael Ferraz
A banda paulista de influência do Metal com toques medievais, Mad Old Lady inicia 2015 com o novo e aguardado disco Power Of Warrior, o segundo da carreira, perto de ser lançado. Com mais peso e uma nova roupagem do Rock e Heavy clássico dos anos 70, 80 e 90, o disco foi gravado na Dinamarca pelo produtor Tommy Hansen, que já trabalhou com os alemães do Helloween. E nesse mesmo nível, toda arte da capa oficial é assinada pelo designer Eric Philippe, da Bélgica. 

Depois dos recentes shows em grandes capitais do país, o grupo está de volta com seu novo trabalho que tem lançamento programado para o próximo mês de março em formato digital, CD e uma edição limitada em vinil. Enquanto isso, com o mercado internacional na mira do Mad Old Lady (MOL), o grupo planeja forte esquema de divulgação do disco no exterior em 2015.

Com o lançamento, depois de abrir as apresentações da cantora finlandesa Tarja Turu e do grupo britânico Marilion nas turnês brasileiras, a banda celebra sua atual formação. Criada pelo vocalista Eduardo Parras, a 'Velha Dama Doida com Alma de Viking' sobe ao palco com Fernando Giovannetti (baixo), Timo Kaarkoski -- finlandês há tempos no Brasil, e Tiago de Moura (guitarras), Rafael Agostino (teclados) e o baterista Guga Bento, que participa do segundo bate-papo Batera.

Músicas do álbum de estreia, Viking Soul (2013), foram regravadas para dar mais peso e cara nova ao repertório, em junho de 2014. Power of Warrior nasceu no estúdio Jailhouse, na Dinamarca, do produtor Tommy Hansen que jã trabalhou com o Helloween, TNT e Pretty Maids. "A simples menção desse nome (Hansen) pode deixar arrepiados os fãs do Helloween. Ele que produziu os principais discos da banda alemã, inclusive os dois volumes de 'Keeper of the Seven Keys' (1987-88), verdadeiro tratado do power metal", segundo assessoria de imprensa da banda.

A decisão de gravar com Hansen, de acordo com o release da banda, foi pela experiência do produtor e a tecnologia do seu estúdio com equipamentos de gravação digital e analógica. Ele usa o sistema Pro Tools HD3 Accel 96 com um gravador de fita de rolo com 24 canais, consagrado há décadas pelas bandas que hoje são chamadas de classic rock.
 
Diferente de bandas pesadas com teclados somente na introdução e momentos mais suaves no meio da pauleira, a Mad Old Lady conta que o músico "Rafael Agostino sabe muito bem como entrelaçar seus teclados entre os riffs velozes e furiosos de Tiago e Kaarkoski." E até brinca: "Jon Lord (tecladista de bandas como Deep Purple e Whitesnake) gostaria de ouvir este disco.
 
 
Capa Oficial do Power Of Warrior

Eric Philippe é um artista e designer gráfico freelancer, com sede na Bélgica, Europa. Depois de se formar no instituto Saint-Luc de Belas Artes em sua cidade de Liège, em 1983, ele começou a fazer desenhos, pinturas e ilustrações de banda de rock.
 
Apaixonado por música desde a época do New Wave of British Heavy Metal (NWOBHM) -- movimento britânico entre os anos 1970 e 80 -- foi logo trabalhar com bandas.

O trabalho de Eric envolve a criação de conceitos artísticos e realização gráfica de obras de arte, como design de logotipos, imagem de marcas, comerciais e merchandising de design gráfico para empresas do mundo todo.
 
Hoje, algumas referências, como TNT, Rhapsody, Gamma Ray, The Rods, Artension, Virgin Steele, Last Autumn's Dream entre outros podem ser vistos em seu site oficial


Acompanhe o bate-papo Batera com Guga Bento: 
 

Na conversa de agosto de 2014, a banda havia acabado de voltar das gravações e, a ansiedade de fãs era imensa. E agora, qual é a expectativa? 

Posso dizer que ainda estamos no meio desse processo de ansiedades e expectativas, para o lançamento oficial do novo álbum "Power Of Warrior" .

Vocês regravaram algumas faixas do primeiro disco. O que substancialmente mudou desta vez?

Bom, as regravações foram favoráveis a nova fase da banda e tivemos mudanças nas faixas regravadas, tais como velocidades das músicas e arranjos mais agressivos. Mudou um pouco pra melhor, eu particularmente gostei.

Na entrevista sobre da gravação do Power Of Warrior, previsto para setembro de 2015, você disse que a MOL estava programando a turnê para janeiro. Alguma certeza ou seguirá o mistério? 

Nós ainda estamos na preparação para turnê, então segue o mistério.

Você também comentou sobre o publico do vinil, e deixou os fãs ansiosos com a resposta sobre 'projetos futuros'.

Os nossos projetos seguem e estamos perto de poder falar sobre eles.

Apesar de diversas viagens ao exterior, você ainda não tinha realizado o sonho de conhecer os Estados Unidos. Teve tempo ou a agenda da banda te impossibilitou?  

Cara, então, vontade não me falta, mas a agenda ainda não me permitiu realizar esse sonho. Mas quem espera sempre alcança, tudo no seu tempo... 

E qual é a sensação de trabalhar com o mesmo produtor dos álbuns clássicos do Helloween?  

Foi uma sensação muito boa, acho que estar perto do Tommy foi uma ótima lição principalmente pra mim, poder ouvir os toques de um cara tão experiente como ele, e que já gravou tantas bandas importantes no mundo. Guardei comigo cada toque dele, e isso ninguém poderá tirar de mim.., fora os elogios feitos por ele a mim, foi o melhor.

Na prática, dentro do estúdio, como a experiência de um profissional igual Tommy Hansen pode ajudar na gravação e produção? 

Com certeza o cara já fazia muita música mesmo antes de eu nascer, isso eu nem preciso explicar, então somando a experiência dele com a nossa vontade de fazer uma boa música, com toda certeza ele nos ajudou em tudo praticamente falando...

Como está sua pegada na bateria do Power Of Warrior?

Posso dizer que estou melhorando a cada dia, mas ainda tenho muito pra aprender...

O que podemos esperar da sonoridade desse trabalho novo da MOL?

A sonoridade está ótima digna de um disco gravado na Europa por um dos maiores produtores do assunto, então está indiscutível. Eu recomendo a todos que ouçam nossas músicas!
 
 
 
Assista ao vídeo da Mad Old Lady na música Prison (2014): 
 
 
 
 
Veja as fotos logo abaixo, na Galeria de Imagens.

Créditos: Divulgação/MOL
 
 
Acompanhe a Mad Old Lady no Site Oficial | Facebook | YouTube | Twitter 

Galeria de imagens

Comentários

Veja também: Todas as entrevistas