Ainda dá tempo: oficina de percussão com Jorge Amorim no Maranhão

30 de janeiro de 2014, por Editorial
O músico carioca Jorge Amorim ministrou ontem (29) e repete hoje (30), sua oficina de percussão no espaço da Galeria Trapiche na cidade São Luís (MA). Oferecido pela secretaria cultural da capital, a oficina será das 16h30 às 18h. Para percussionistas e músicos em geral, segundo Jorge, é uma oportunidade para quem pesquisa música brasileira.

"A ideia é servir como uma troca de experiências, uma vivência com os músicos daqui", explica o músico e promete passear por ritmos populares do Rio de Janeiro, Bahia e Maranhão. Ele traça os "paralelos musicais e rítmicos que existem nestes três lugares", disse Ronaldo Rodrigues - músico responsável pelo evento. Essas são as cidades onde ele tocou, aprendeu e adquiriu experiências que formam seu currículo musical.

Com dois discos gravados, viveu na Europa mais de 20 anos tocando bateria e percussão para diversos artistas. Hoje leciona na Escola de Música Maracatu Brasil, é baterista do quinteto Yuri Poppov, está em gravação do seu terceiro álbum solo, além tocar no trabalho solo de Alexandre Gismonte.

No dia 28 (Terça) ele se apresentou no Teatro da Cidade de São Luís com temas instrumentais em jazz fusion, funk e samba, com pegada afro. Antes do show da banda 'A Tribo', a abertura foi com o guitarrista e bandolinista Ronaldo Rodrigues, maranhense radicado no Rio de Janeiro, com temas instrumentais no bandolim.

SERVIÇO:
"Oficina de Percussão com Jorge Amorim"
Data: 29 e 30 de janeiro
Horário: 16h30 às 18h
Local: Espaço Galeria Trapiche Santo Ângelo
Endereço: Av. Vitorino Freire, s/n, em frente ao Circo Cultural e Terminal de Integração da Praia Grande, São Luís (MA)

Veja também: Notícias recentes | Pesquisar notícias | Todas as notícias

Comentários