Chris Adler fala sobre o novo material da banda Lamb of God

17 de junho de 2011, por Site Batera

O baterista Chris Adler, da banda Lamb of God, emitiu a seguinte nota:
"As coisas estão caminhando muito bem estes dias. Algumas surpresas estão em andamento e está saindo tudo como o esperado.”

"Temos detonado nossos traseiros em tempo integral durante meses para compor nosso novo trabalho. É fantástico, para dizer pouco. Agora preparamos o show de Montreal na sexta-feira, nosso único show em 2011. Isso marca a metade do ano em que reservamos para compor e ficar com nossas famílias. Passou rápido, mas a parte mais difícil já se foi.”
Seguindo o ‘Wrath’, de 2009, este novo chega no final de 2011 ou início de 2012.
Em uma entrevista recente com a Artisan News Service, Adler declarou sobre o andamento das composições do próximo CD da banda, "Nós fizemos um pouco mais... Agora, por causa da quantidade de tempo que passamos na estrada e os caras gastando o seu tempo livre sozinhos em quartos de hotel, há muito mais material que entra no processo do que tivemos no passado. Normalmente, faríamos uma turnê e depois sentaríamos todos juntos para compor. Mas os guitarristas, com a ajuda da evolução tecnológica, têm sido capazes de fazer muita coisa por conta própria, então há muito mais idéias do que as que tivemos anteriormente, o que é ótimo. Normalmente, até acertarmos todos os detalhes, levaria um tempo muito longo para chegar ao que todos almejam. Agora temos uma infinidade de material, então eu acho que vai ser... É sempre um processo interessante, mas acho que estamos chegando um pouco mais ‘armados’ neste momento."

Quando perguntado se o novo álbum segue o mesmo padrão do ‘Wrath’, Adler disse: "No passado, a minha perspectiva sempre foi muito reativa ao que o álbum imediatamente anterior representou... o ‘Wrath’ foi mais agressivo do que o 'Sacrament’ [2006], e o ‘Sacramento' foi mais bem produzido do que o ‘Ashes Of The Wake’ [2004] - essas foram as escolhas que fizemos. Mas desta vez eu sinto que com todo o material que produzimos, as bases que conquistamos, pudemos evoluir como banda e fazer novas escolhas ao longo do caminho... eu acho que, desta vez, não há uma real... eu não posso falar pelo resto da banda, mas eu realmente não estou procurando fazer comparações com o ‘Wrath’, o qual eu fiquei muito satisfeito com a maneira com que ele foi feito. Então, me sinto um pouco mais livre com relação a este álbum para que não seja tão conduzido a uma certa direção. Eu acho que podemos ser um pouco mais ‘abertos’ desta vez."
‘Wrath’ ficou em 2º lugar entre as 200 mais da Billboard em fevereiro de 2009, com 67 mil cópias vendidas na primeira semana.

Veja também: Notícias recentes | Pesquisar notícias | Todas as notícias