Kiss lança comunicado sobre o Hall Of Fame

25 de fevereiro de 2014, por Editorial
 
 
Já foi divulgado que a banda Kiss, indicada ao Rock And Roll Hall Of Fame, não vai tocar com a formação original no dia 10 de Abril, apesar da indicação. Depois da informação criticada pelo guitarrista Ace Frehley, o batera e fundador da banda, Peter Criss, afirma que nem ele e nem o guitarrista Ace Frehley foram convidados para a performance na cerimônia. Veja seu comunicado aos fãs do Kiss:


"É decepcionante ter que anunciar a vocês, os fãs, que hoje Ace [Frehley] e eu tivemos negada a oportunidade de tocar com Gene [Simmons] e Paul [Stanley] para a nossa apresentação ao Rock And Roll Hall Of Fame. Ingressos estarão à venda na segunda-feira, 24 de fevereiro, e eu quero ter certeza que os fãs entendam que nenhuma performance da formação original, com ou sem maquiagem, foi oferecido a nós antes que eles comprem seus bilhetes. Isto é vergonhoso, e eu me sinto mal pelos fãs que estavam ansiosos para que nós quatro fôssemos apresentados juntos. Deus os abençoe, Peter Criss - O Catman"


Para acabar com as dúvidas da apresentação no Rock And Roll Hall Of Fame, a banda anunciou que "as recentes declarações de Ace e Peter exigem uma resposta rápida para vocês, nossos fãs", em comunicado oficial.


"Para todos nossos fãs, sobre o Rock and Roll Hall of Fame:

Nossa intenção é celebrar toda a história do Kiss e dar crédito a todos os membros, incluindo os que estão conosco atualmente de longa data, Tommy Thayer e Eric Singer, e Bruce Kulick, e ainda Eric Carr, todos os que fizeram esta banda ser o que é, independentemente do ponto de vista do Rock And Roll Hall Of Fame.

Embora o Kiss tenha avançado por muito mais tempo sem eles, Ace e Peter estão na base do que nós construímos, e isso teria sido impossível sem eles lá no começo. Passaram-se mais de 13 anos desde que a formação original tocou junta com maquiagem e acreditamos que a memória daqueles tempos não poderia ser melhor. Contrariamente às afirmações feitas através das redes sociais, nós não nos recusamos a tocar com Ace e Peter .

Nós passamos 40 anos dedicados à construção do Kiss. Sem parar ou vacilar, a banda seguiu em frente com grandes turnês e álbuns de platina, com diferentes formações, durante 40 anos, até hoje.

O Kiss sempre foi uma banda diferente de qualquer outra. Foi por isso que nós começamos o Kiss. É por isso que continuamos com o Kiss. Ser diferentes de outras bandas também significa fazer escolhas e tomar decisões diferentes de outras bandas. Isto é, claro, uma situação emocional em que não há maneira de agradar a todos.

Para dar um fim rápido a isso, decidimos não tocar com qualquer line-up e vamos concentrar a nossa atenção em celebrar nossa entrada no Rock And Roll Hall Of Fame. Estamos muito animados e estamos ansiosos para ver todos vocês na turnê mundial de 40º aniversário do Kiss".
Veja também: Notícias recentes | Pesquisar notícias | Todas as notícias

Comentários